NOTÍCIAS

< Voltar

Programa contra o tabagismo resgata a autoestima dos sananduvenses

Publicado em 10/05/2012, Por Assesso ria de Imprensa

O tabagismo é reconhecido como uma dependência química que expõe as pessoas a inúmeras substâncias tóxicas, sendo os dependentes do tabaco as principais vítimas de doenças limitantes e muitas vezes fatais, como o câncer. Pensando na necessidade de se investir esforços para apoiar os fumantes a abandonar o hábito de fumar, a administração pública municipal, através da Secretaria de Saúde, aderiu ao Programa de Abordagem e Tratamento do Fumante. O objetivo do Programa é, além de prevenir a iniciação no consumo de derivados do tabaco entre crianças e adolescentes, estimular o abandono do fumo entre os já dependentes. A primeira etapa da implantação deste Programa foi a capacitação de profissionais da Atenção Básica, em Porto Alegre. Após iniciou-se o chamamento a fumantes que gostariam de parar com este hábito, e, na sequência realizado o acolhimento e uma abordagem cognitivo-comportamental, na qual o fumante recebeu orientações e motivação para parar de fumar. Em algumas situações foram fornecidos medicamentos como apoio a esta abordagem para obter um melhor resultado. O Programa usa a interação do grupo para incentivar e apoiar as mudanças, sem estimular a dependência. Atualmente, o Município de Sananduva possui dois grupos ativos com um total de 29 participantes. Os encontros têm duração de um ano, sendo no primeiro mês encontros semanais, no segundo mês quinzenais e nos próximos dez meses encontros mensais. Esses encontros têm duração de aproximadamente uma hora e são realizados em horários acordados pelos participantes. Quando necessário também são realizadas avaliações individuais. Toda a equipe da Estratégia de Saúde da Família está envolvida, sendo que os grupos existentes estão sendo coordenados por médicos, enfermeiros e psicólogos. A procura para participar do Programa está aumentando e conforme as possibilidades serão iniciados novos grupos, sempre com a certeza de ofertar total atenção a todos. Ainda no mês de maio vai iniciar as atividades o terceiro grupo com aproximadamente 20 participantes. Interessados em parar de fumar podem procurar informações na Unidade de Saúde a que pertencem. Acompanhe alguns depoimentos de pessoas que fazem parte do Programa de Abordagem e Tratamento do Fumante: Zelinda Gordenschuk – “Eu fumava há 28 anos. Entrei no grupo dos fumantes e já faz um mês que eu não fumo mais. Estou me sentindo bem porque antes sentia dificuldades no pulmão agora não. Quem fuma deve parar, porque é uma maravilha parar de fumar para a saúde e para o bolso. Minha netinha dizia: “- Pare vó com essa “catinga” perto de mim!”, e agora ela me abraça e me diz: “- Que cheirosa que você “tá”...” É muito bom, que continuem fazendo esse trabalho, que não parem por aí porque tem muita gente que para de fumar. Cigarro é uma droga que se você não tem ajuda você não para, tem que ter ajuda e o apoio da família também.” Atecir Morello – “É uma boa coisa que nós estamos fazendo e eu nunca imaginava que ia acontecer. Eu fumei 53 anos, e nesses 53 anos hoje eu to querendo cria vergonha na cara e respeita a família que não é por mim, mais é pela minha família. O fumante está sendo excluído da sociedade. Eu deixei de fumar no dia 11 de abril e não quero voltar. Em primeiro lugar eu gostaria de agradecer, porque eu nunca imaginei que ia largar esse vício. A respiração agora é boa, a mulher não precisa mais lavar a fronha do travesseiro todos os dias, a família “ta” contente e a alimentação melhorou, a comida tem outro sabor”. Valdir Zaparolli – “Eu fumei 63 anos, agora no grupo eu achei muito bom, bom demais. Se eu tivesse começado há 30 anos atrás seria outra vida. Vai fazer 30 dias que parei e nem me lembro do cigarro. Quem ainda fuma devia começar também. Mas agora estou forçando com as minhas filhas que participam do Programa, porque elas têm que parar também. Graças a Deus “tá” tudo bem, mas bem mesmo, graças a Deus e a essas meninas do grupo e o Dr. Pedro. Hoje “tô” comendo muito melhor e já aumentei 3 quilos, graças a Deus “tô que é um galo véio””.

CLIMA/TEMPO

Prefeitura Municipal de Sananduva © Todos os direitos reservados     |     Criação de Sites: Slah Informática